segunda-feira, 20 de maio de 2013

TPM...Ah!!!

Boa noite gente,voltei...kkk,bom...hoje estava procurando algo de interessante para contar para vocês e sem querer...querendo,acabei lendo algo interessantissimo para nós mulheres,então hoje irei falar da terrivel TPM !

 BOM... Para algumas mulheres isso não é nada,mais para outras como EU isso é um PROBLEMÃO...Então essa postagem vai ser especialmente para mim,kkk e para vocês minhas amigas,vamos melhorar a nossa situação!!!

Acreditem minhas amigas, é possível, sim, viver bem com a temível TPM – Tensão Pré-Menstrual.Mais antes de lhes contar como,vou explicar um pouco do que acontece no nosso corpo quando estamos "naqueles" dias.

Bom...nesta fase, o corpo feminino se prepara para engravidar e, como na maioria das vezes isso não acontece, ele deixa de liberar os hormônios estrógeno e progesterona, o que causa os sintomas da TPM.

Cerca de 80% das mulheres sofre de TPM. Elas ficam mais sensíveis, irritadas, o intestino pode ficar mais preso, sentem dores e cólicas. Muitas sofrem com variações de humor entre ansiedade e depressão, e todos estes sintomas só terminam com a menstruação. Nos casos severos, a TPM precisa ser tratada com medicamentos. A boa notícia é que, em muitos casos, os seus sintomas podem ser minimizados com uma boa alimentação!

MODERAÇÃO

Segundo especialistas, o consumo ideal de calorias é de 1.500 a 2.000 calorias diárias. A dica é fazer pequenas refeições ao dia, em vez de três grandes. Outra recomendação é evitar a ingestão de gorduras, frituras e doces.

Cafeína e derivados, álcool e refrigerantes também devem ser evitados nesse período. A cafeína, por ser um estimulante, pode aumentar a ansiedade, irritabilidade e variações de humor. O álcool é um componente que pode ser associado a inchaços; já os refrigerantes contêm muito açúcar e alguns a cafeína.

O chocolate, apesar de representar um alívio imediato, é um perigo. Ele libera endorfinas e serotoninas pelo sistema nervoso, provocando alívio, mas este efeito é mantido por pouco tempo, o que gera a vontade de comer mais e mais, além da gordura e do açúcar, que contribuem para o ganho de peso. Portanto, muita cautela na escolha deste doce, preferido pelas mulheres nessa fase.

A VONTADE


Acreditem, é possível, sim, viver bem com a temível TPM – Tensão Pré-Menstrual. Nesta fase, o corpo feminino se prepara para engravidar e, como na maioria das vezes isso não acontece, ele deixa de liberar os hormônios estrógeno e progesterona, o que causa os sintomas da TPM.
Cerca de 80% das mulheres sofre de TPM. Elas ficam mais sensíveis, irritadas, o intestino pode ficar mais preso, sentem dores e cólicas. Muitas sofrem com variações de humor entre ansiedade e depressão, e todos estes sintomas só terminam com a menstruação. Nos casos severos, a TPM precisa ser tratada com medicamentos. A boa notícia é que, em muitos casos, os seus sintomas podem ser minimizados com uma boa alimentação!

MODERAÇÃO

Segundo especialistas, o consumo ideal de calorias é de 1.500 a 2.000 calorias diárias. A dica é fazer pequenas refeições ao dia, em vez de três grandes. Outra recomendação é evitar a ingestão de gorduras, frituras e doces.
Cafeína e derivados, álcool e refrigerantes também devem ser evitados nesse período. A cafeína, por ser um estimulante, pode aumentar a ansiedade, irritabilidade e variações de humor. O álcool é um componente que pode ser associado a inchaços; já os refrigerantes contêm muito açúcar e alguns a cafeína.
O chocolate, apesar de representar um alívio imediato, é um perigo. Ele libera endorfinas e serotoninas pelo sistema nervoso, provocando alívio, mas este efeito é mantido por pouco tempo, o que gera a vontade de comer mais e mais, além da gordura e do açúcar, que contribuem para o ganho de peso. Portanto, muita cautela na escolha deste doce, preferido pelas mulheres nessa fase.

A VONTADE



Os alimentos que mais ajudam a aliviar os sintomas da TPM são justamente os que mais fazem bem à nossa saúde. Por isso, abuse das frutas e verduras. A dica é optar por alimentos diuréticos, aqueles que ajudam o organismo a eliminar líquido, como morangos, melancia, alcachofra, aspargo, salsa e agrião.

Alimentos que contenham vitaminas do complexo B, como arroz integral, ovos, aveia, amendoim e nozes, ou que sejam fonte de cálcio, com altos teores de magnésio (banana, beterraba, amêndoa, frutos do mar e oleoginosas) e ricos em fibras são igualmente recomendados. Alimentos como a banana, o leite, iogurte e queijos desnatados, devem ser estimulados, porque contém TRIPTOFANO, um aminoácido precursor da serotonina, o hormônio que aumento o bom humor, bem estar e promove relaxamento.

ATIVIDADE FÍSICA

Assim como a alimentação adequada, a atividade física, além de ser boa para a saúde, é importante para ajudar a aliviar os sintomas da TPM, de acordo com um estudo realizado pela Universidade British Columbia, no Canadá. Isso porque a prática libera endorfina, um calmante natural produzido pelo cérebro, responsável pela sensação de bem estar e prazer. O exercício ativa ainda a circulação, tirando o foco do útero e ovários.
A recomendação é praticar uma atividade que gere prazer. Quem não gosta de malhação, pode optar por caminhada, esportes ou mesmo a ioga.
Os alimentos que mais ajudam a aliviar os sintomas da TPM são justamente os que mais fazem bem à nossa saúde. Por isso, abuse das frutas e verduras. A dica é optar por alimentos diuréticos, aqueles que ajudam o organismo a eliminar líquido, como morangos, melancia, alcachofra, aspargo, salsa e agrião.

Alimentos que contenham vitaminas do complexo B, como arroz integral, ovos, aveia, amendoim e nozes, ou que sejam fonte de cálcio, com altos teores de magnésio (banana, beterraba, amêndoa, frutos do mar e oleoginosas) e ricos em fibras são igualmente recomendados. Alimentos como a banana, o leite, iogurte e queijos desnatados, devem ser estimulados, porque contém TRIPTOFANO, um aminoácido precursor da serotonina, o hormônio que aumento o bom humor, bem estar e promove relaxamento.

ATIVIDADE FÍSICA

Assim como a alimentação adequada, a atividade física, além de ser boa para a saúde, é importante para ajudar a aliviar os sintomas da TPM, de acordo com um estudo realizado pela Universidade British Columbia, no Canadá. Isso porque a prática libera endorfina, um calmante natural produzido pelo cérebro, responsável pela sensação de bem estar e prazer. O exercício ativa ainda a circulação, tirando o foco do útero e ovários.

A recomendação é praticar uma atividade que gere prazer. Quem não gosta de malhação, pode optar por caminhada, esportes ou mesmo a ioga.
Bom gente,por hoje é só...vamos regular nossa alimentação,deixar de lado algumas delicias,e consumir mais frutas e fibras!!!Boa noite até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário